Vídeo-cápsula endoscópica

Trata-se de um exame não invasivo e que não requer sedação, internação e praticamente não oferece riscos.

O exame tem a função de analisar doenças do intestino delgado impossíveis de serem avaliadas pelos métodos endoscópicos tradicionais. A melhor aplicação da cápsula endoscópica é no diagnóstico do sangramento digestivo de origem obscura.

Existem também outras condições clínicas que acometem o intestino delgado que podem ser investigadas por este método, como a Doença de Crohn, angiectasias hereditárias, síndromes polipóides, os tumores do delgado, síndrome de imunodeficiência adquirida, doença celíaca, transplante de intestino delgado, bem como a diarreia crônica, podem ser exploradas pela cápsula.

O procedimento é simples e indolor: o paciente engole naturalmente uma cápsula com 2,5 cm (comprimido grande), na qual existe uma câmera capaz de tirar fotos e vídeos. As imagens são transmitidas para um cinturão preso ao paciente. Em seguida, com a ajuda de um software, as imagens registradas nesse cinturão são analisadas por um médico especialista.

O exame tem duração média de 8 horas.

Outras especialidades

Os melhores médicos com a melhor estrutura!